TAG Tudo menos livros

Oi gente, tudo bem?

Faz muito tempo que não respondo à TAGs (na verdade, agora que o blog está voltando à ativa). E hoje, para mudar um pouquinho, não responderei a uma TAG literária… como já percebemos pelo título. Vi lá no canal da JotaPluftz. E ela pegou desse canal gringo.

1. Fale sobre quais desenhos animados você gosta.
R: Gosto de assistir a filmes de animação (qualquer um rs). Mas desenho animado da TV, gosto muito de Bob Esponja e Os Simpsons.

2. Qual sua música favorita no momento?
R: Vixi! No momento, eu acho que é esta: “La La Land – City Of Stars“, na voz de Chase Eagleson. Isso porque nem assisti ao filme.

3. O que você faz por horas, que não é ler?
R: Por horas, eu não digo, mas comer HAHA. Mentira. Por horas, eu acho que é assistir a alguma série… Como Doctor Who, ou Modern Family (que descobri só agora e já viciei).

4. Diga uma coisa que você ama e seus seguidores vão se surpreender em saber…
R: Amo chocolate. Mas isso não é novidade. Eu amo também aqueles chocolates parafinados (guarda-chuva, moedinha, bolinha de chocolate) hahaha Fazer o que. Dizem que os “amantes” de chocolate tem gosto refinado, não é?! Que gostam de chocolate de qualidade, e blá-blá-blá. Não… Eu amo qualquer chocolate… Não tenho preconceito rs. / Outra coisa que amo é passar roupa! Assim eu boto as séries em dia 😉  (táticas, amiguinhos).

5. Qual é a coisa desnecessariamente específica que você gosta de aprender?
R: Qualquer coisa. Adoro aprender coisinhas novas.

6. Qual coisa diferente / bizarra que você sabe fazer?
R: Até hoje, sei colocar os pés na cabeça, tipo isso:

Meus pais acham “bizarro”, porque eu nunca fiz ginástica rítmica. Sempre fui um pouquinho elástica. E hoje, mesmo um pouco mais velhinha (poxa, tenho quase 28!), ainda consigo fazer isso =)

7. Conta uma coisa que você fez / criou no ano passado (se puder, mostre!)
R: Gosto muito de fazer Origamis. Então ano passado acabei fazendo um mini-presépio para minha sogrinha (que na época ainda não era sogra rs).

8. Qual é o seu mais recente projeto pessoal?
R: Terminar os projetos que já comecei rs. Eu fico bastante ansiosa quando começo uma coisa e não termino. Então primeiro terei que terminar o que já está começado.

9. Diga alto que você pensa com frequência.
R: Que sono / Que fome. E algo que infelizmente está ficando comum: que dor de cabeça.

10. Conte uma coisa favorita sua, bem específica.
R: Adoro colocar achocolatado no leite condensado, deixar no freezer e comer. Aqueles floquinhos de chocolate explodem na boca, que é uma delícia! hahaha

11. Por último, diga a primeira coisa que vem a sua mente!
R: placa.

TAG – Complete a frase

Oi gente, tudo bem?

Hoje vim responder a uma TAG, que a Gio, do blog Atraídos pela leitura me indicou! Ela se chama, como vocês viram pelo título rs, “Complete a frase”, e são só 13 perguntinhas. Vamos lá!

tag-complete-a-frase

Regras:

– Completar as frases.
– Indicar 10 blogs.
– Marcas os blogs na postagem.
– Comentar com o link de sua resposta.

Completando as frases:

Sou muito … desorganizada
Não suporto … calor
Eu nunca … quebrei um osso
Eu já briguei … por doce na geladeira, com meu pai! haha
Neste exato momento … estou espirrando feito maluca rs
Morro de medo … de perder meus pais
Eu sempre gostei de … ouvir música
Se eu pudesse … teria mil vidas (para ler, ver séries e filmes)
Fico feliz quando … alguém diz que começou a ler mais por causa do blog 🙂
Se eu pudesse voltar no tempo … nem se eu pudesse, mudaria algo (Doctor Who explica, gente!)
Adoro … chocolate
Quero viajar para … Noruega
Não gosto … de içá (sei lá, foi a primeira coisa que me veio à mente haha)

Indicados:

Bruno Felix

Ana – Entre Livros e Trânsitos

Universos de Papel

Livros e Aventuras

TAG – Infância em livros

Oi gente, tudo bem?

Feliz dia das crianças para você ou os seus =)

Fui marcada pela querida Letícia Cabral, do blog Sobre livros e literatura a responder a TAG Infância em livros! Foi ela mesma quem criou, e achei uma gracinha! Todas as perguntas têm relação com algo de nossa infância, em homenagem ao Dia de hoje! Tem só onze perguntinhas. Vamos lá!

tag

1. MOLENGAR: Um livro que te fez querer passar o dia na cama lendo-o.
R.: Essa pergunta foi bem difícil rs Eu não sou muito chatinha para não gostar de livros, então eu queria colocar vários nessa categoria. Mas escolhi um que me chamou muito a atenção, na época em que o li: Água para elefantes, de Sara Gruen. Fiquei fascinada por circos por causa da história rs.

2. OUVIR HISTÓRIA DOS PAIS:
A) Um livro que seus pais costumavam ler para você quando criança.
B)Um livro que você quer ler para seu filho, caso não tenha filhos, um livro que você recomendaria a qualquer criança.
R.A – O menino maluquinho, do Ziraldo. Eu AMO esse livro, e o filme inspirado. Tem um gosto de infância tão bom, que é impossível não gostarmos da história. Quem lia para mim, na realidade não eram meus pais. Mas minha tia (que sonhava ser bibliotecária, mas acabou virando pedagoga rs). Depois de algum tempo, eu e meu irmão começamos a ler a história sozinhos.
R.BMeu monstro de estimação, de Dick King-Smith. Recomendo tanto o livro quanto o filme. Encantador!

3. BATALHA DE ALMOFADAS: Um livro que disseram “É SUA CARA”, mas quando você leu sentiu vontade de bater na pessoa com ele.
R.: Na verdade, ninguém em especial me recomendou esse livro. Eu peguei porque gostava muito do autor, o Gabriel Chalita. O livro é O segredo das quatro letras. Gente, que livro terrível rs Não gostei nem um pouco!

4. PIQUENIQUE: Um livro com vários elementos que te agrada.
R.: Os livros de crônicas do Fabrício Carpinejar têm um poder hipnótico sobre mim. São histórias curtinhas, divertidas (algumas um pouco melancólicas), e escritas de uma forma tão poética, que são quase impossíveis de não me agradar. Indico aqui um dos meus favoritos do autor: Deixa a criança ser tímida. Tem resenha aqui!

5. BOLHAS DE SABÃO: Um livro que não é tudo que parece.
R.: Olha, vou ter de repetir esse livro aqui: A probabilidade estatística do amor à primeira vista, da autora Jennifer E. Smith. Quando peguei, encantada com a capa fofinha e a sinopse simpática, fui bem enganada. A leitura é leve sim, mas não gostei nem um pouquinho. Tem resenha aqui!

6. ACAMPAR: Um livro cuja leitura te passou tranquilidade?
R.: Uma autora que sempre me passa tranquilidade é a Martha Medeiros. Ela parece aquela mãe que te abraça bem forte e te diz: calma, vai ficar tudo bem. Nada é tão horrível assim, na vida! Indico aqui: Feliz por nada.

7. GULOSEIMA: Um livro que você devorou e/ou que de tão bom sente vontade de reler.
R.: Com toda certeza o livro David Copperfield, do autor Charles Dickens. Eu li em pedacinhos pequenos, pois estava com dó de terminar. Mas quando terminei, chorei abraçada a ele, de tão maravilhoso que é. Tem resenha aqui!

8. CAÇA AO TESOURO: Um livro cuja leitura você considera um desafio.
R.: Um dos que estou lendo no momento: Os miseráveis, de Victor Hugo. Na realidade considero um desafio por causa do tamanho (1.288 páginas na versão da Cosac Naify, dividido em dois volumes). Estou na parte três, lá pela página 140. E tem bastante nota de rodapé. Mais um desafio pra mim, que não gosto de notas de rodapé rs.

9. ÁLBUM DE FAMÍLIA: Livro que te traz boas recordações.
R.: O imaginário cotidiano, do autor Moacyr Scliar. Era uma época em que eu fazia faculdade, fazia estágio, e nos finais de semana participava de um Clube de Leitura muito legal! Tanto que foi nesse grupo que eu li este livro!

10. CIRCO: Um livro alto-astral.
R.: Um dos livros mais alto-astral que já li na vida: Manual prático de bons modos em livrarias, da Lilian Dorea. O livro é engraçadíssimo, e eu dava gargalhadas muito altas rs. Para quem gosta do mundo literário é uma ótima pedida! Tem resenha aqui!

11. Já decidimos todos os elementos da brincadeira, agora chegou a hora de convidar os amigos para brincar juntos. Quem você gostaria que respondesse essa tag?

Ana – Entre Livros e Trânsitos

Sophia – Livros e Aventuras

Atraídos pela leitura

Nayara – Sorrir para encantar

TAG – Química literária

Olá!

Hoje vim responder à uma TAG que faz teeeempo que fui indicada. A TAG se chama Química literária. Fui marcada pela Keity e pela Kevelym, do blog Universos de papel. Foi criada pela Aline, do Meus amores literários. A TAG consiste em relacionar alguns elementos da química com livros e personagens literários. Vamos lá!

quc3admica-literc3a1ria

1– REAÇÃO IRREVERSÍVEL: Indique um livro que você não conseguiu parar de ler enquanto não terminou.

Sem sombra de dúvidas foi Caixa de pássaros, do Josh Mallerman. Que narrativa envolvente! Fiquei sem fôlego do começo ao fim do livro.

2 – REAÇÃO EXOTÉRMICA: Indique um livro bem, mas bem hot.

Vixi! Assim como as meninas do Universos de papel, vou indicar um livro “hot”, usando a criatividade. O quinze, de Rachel de Queiroz. O romance passa-se na seca do nordeste, de 1915. Haja sol.

3 – CATALIZADOR: Escolha um livro que te deu a sensação de estar quase parando e precisava urgente de algo para acelerar a história.

O guardião de memórias, do autor Kim Edwards. Gente, que livro parado. Comigo não funcionou nem um pouco. Em compensação, o filme é fantástico!

4- ELÉTRONS: Escolha um personagem que tinha uma carga negativa de dar dó.

Com toda certeza: Conde Olaf (do Desventuras em série)! Ô cara ganancioso, invejoso, malvado! É um dos piores vilões (de livro infantil, mas ainda assim, vilão de primeira linha).

5 – PRÓTONS: Escolha um personagem cuja “carga” era tão positiva que dava vida ao livro.

Aqui vou colocar do último livro que terminei de ler: o personagem Phil, que era secundário em Serraria Baixo-Astral (quarto volume de Desventuras em série), mas ainda assim, o personagem que mais alegrava a história. Totalmente otimista e “pra cima”, Phil conseguia nos deixar com um sorriso no rosto, mesmo em meio a tanta desgraça.

6 – CARÁTER ANTRÓFERO: Escolha um personagem cuja personalidade era, no mínimo bipolar.

Cêis me desculpem em responder essa como sendo a Nina, personagem principal do livro “Não pare!“. A menina é muito indecisa!

7 – GASES PERFEITOS: Escolha um personagem que é perfeito e que poderia muito bem ser real (mas nunca será).

David Copperfield. Ele é o personagem perfeito, mas que não existe na vida real.

8 – ENTROPIA: Indique um livro que era uma verdadeira desordem (dos fatos, dos personagens ou de um modo geral; você escolhe).

O grande livro das pessoas sem nome. Foi uma total desordem. E para ser sincera, não sei muito bem se indico. Há quem goste do estilo, mas eu achei bem atrapalhado. Não entendi mutia coisa.

9 – GASES NOBRES: Indique um livro que possui características distintas de tudo o que você já leu.

Ensaio sobre a cegueira, do José Saramago. O modo como o autor escreve é muito peculiar, e eu posso arriscar a dizer que nunca havia lido nada parecido. Esse título é essencial. Leia, leia!

Espero que tenham gostado das indicações!

TAG Sobre escritores

Olá, tudo certo?

Vim responder à uma TAG hoje. Vi no blog Projetos no Papel, e achei interessante (adoro ler sobre isso nos outros blogs!). São só cinco perguntinhas, relacionadas à autores (NÃÃO… Sério?!)

1. O escritor que te iniciou no mundo da leitura.
Posso dizer que o primeiro de todos foi Ziraldo. Mas o que me influenciou realmente a ler, foi a tão aclamada J. K. Rowling.

2. Um escritor que te ganhou de volta e um que te perdeu para sempre.
Que pergunta mais difícil! Um que provavelmente teria me perdido para sempre, seria Chico Buarque. Mas eu não consigo largar a criatura, por mais chatas que eu ache suas histórias rs Sou persistente!
Agora um que me ganhou de volta, talvez tenha sido o Alejandro Zambra. Calma, deixe eu me explicar: quando li Bonsai, eu não sabia o que achava, afinal todos elogiavam muito. Eu queria muito saber o que tinha naquele livro e que eu não tinha encontrado. Li novamente três vezes. Eu ainda estou procurando o que me fez continuar com o autor. Mas ainda bem que continuei! Porque quando li Formas de voltar para casa, fiquei totalmente apaixonada por ele.

3. Um escritor brasileiro e um estrangeiro.
Para não ser óbvia (Clarice e Jostein), vou citar outros dois, que gosto muito!
Erico Verissimo e Eduardo Galeano.

4. Um escritor “zona de conforto”.
Agatha Christie. Ela sempre consegue me deixar envolvida com a leitura, e sempre é meu refúgio quando nada funciona.

5. Um escritor que você traria de volta dos mortos.
Clarice Lispector!

eduardo_galeano04-850x477