Leituras Novembro 2017

Oi gente, tudo bem?

No mês de Novembro eu não coloquei uma meta de leitura, porque tinha muitas coisas pendentes dos outros meses. Muitas leituras pesadas, clássicos… Então achei melhor terminar primeiro o que havia começado para depois pensar numa meta (diz a pessoa que já fez meta para 2018… HAHA). Mas vamos lá! Não li tantas coisas em novembro… Mas fiquei muito satisfeita com a qualidade 🙂

(Os números ao lado é a ordem do que li durante o ano. Para acessar a lista completa, clique aqui).

59. Sobre a escrita – Stephen King
60. Considerai como crescem os lírios – Mons. Jonas Abib
61. O menino azul – Cecília Meireles
62. Em cima daquela serra – Eucanaã Ferraz
63. Foras da lei… – Vários autores
64. 80 anos de poesia – Mário Quintana
65. Meditações – Chiara Lubich
66. Lolita – Vladimir Nabokov

Gente, talvez eu não consiga fazer uma resenha sobre todos esses livros. Farei o possível, principalmente para os livros Sobre a escrita, Lolita, e Foras da lei, que foram livros que de alguma forma me tocaram.

O que vocês leram de bom em Novembro? E gostaram?

Anúncios

Leituras Outubro 2017

Oi gente, tudo bem?

No começo do mês de outubro fiz uma postagem com as metas de leitura para esse mês… E foi um “quase fiasco”.

Bem… Tinha um dito cujo de um livro me atrasando a vida. Eu detesto quando isso acontece: pelo título e capa eu penso que irei amar a história (ou as histórias, no caso, já que eram crônicas), mas quando lemos, acabamos nos decepcionando. O livro “Eu falar bonito um dia“, do David Sedaris eu tive de abandonar! 😦  Fiquei muito triste em abandonar, principalmente porque ansiava em ler, desde o ano passado. Mas eu senti que ele estava atrasando todas as outras leituras pendentes. Tanto que quando o larguei para trás, eu desencalhei com as outras leituras rs.

Abaixo a lista do que consegui ler!

Completos:
Abandonado – Eu falar bonito um dia – David Sedaris
Lido! – Jogo perigoso – Stephen King (A Netflix produziu um filme, pessoas!)
Não lido – Pontos de vista de um palhaço – Heinrich Böll
Não lido – Pedro Páramo – Juan Rulfo

Projeto Mindlin:
Não lido – Memórias póstumas de Brás Cubas – Machado de Assis

Continuar:
Lido 31 capítulos – Lolita – Vladimir Nabokov (Ler 31 capítulos, isto é, um por dia)
Terminado! – Sobre a escrita – Stephen King
Lido 5 páginas – Padre Pio – José María Zavala
Lido 15 páginas – Diário de Santa Faustina
Lido 5 páginas – Pedagogia da autonomia – Paulo Freire

1 Novela:
Não lido – Novelas exemplares – Miguel de Cervantes

1 conto:
Lido 2 contos! – Contos completos – Liev Tolstói

2 contos:
Lido 2 contos – Pesadelos e paisagens noturnas, volume 1 – Stephen King
Lido 2 contos – Todos os contos – Clarice Lispector
Não lido – As aventuras de Sherlock Holmes – Arthur Conan Doyle

Viram, foi um quase fiasco. A maioria do que li foram os contos… E continuei com algumas leituras – um tanto pesadas, eu diria rs.

Ah! E dos filmes que havia me proposto a assistir, vi somente “Jogo Perigoso”, que é baseado no livro de mesmo nome, do Stephen King (que por sinal foi devorado!)… Também assisti ao filme O Reencontro, que é muito lindinho.

Mas também eu não conseguir ler tanto assim, pudera! Assisti à segunda temporada de Haters Back Off (alguém aí assiste? Como eu sinto vergonha alheia naquela série, Deus amado!), e ao tão esperado Stranger Things (Ahh!! Viciei meu pai também!). E quem me acompanha há tempos no blog, já sabe que quando temos feriados prolongados, dificilmente consigo cumprir minhas metas literárias rs. Eu gosto muito de ler em ônibus, e como eu não faço o trajeto trabalho / casa, não leio tanto.

E vocês, leram bastante? E o mais importante: leram coisas legais?

Músicas que ouço enquanto leio [Parte 12]

Olá para vocês!

Não me lembro se já comentei aqui, mas tem alguns canais no Youtube que são responsáveis por fazer eu me apaixonar por vários artistas rs. São músicas gostosas de ouvir, e logo acabo me interessando pelo cantor ou banda. Um dos canais é o alexrainbirdMusic. Ele possui algumas playlistas maravilhosas. Clique acima, e conheça =)

Harbour – Get You High

Paul Cook e The Chronicles – Talk Dirty

MyKey – Higher

Late Night Episode – Golden Age

Filmes sobre a Ditadura Militar

Oi gente, tudo bem?

Farei uma postagem mais rápida hoje, com a indicação de três filmes sobre a Ditadura Militar no Brasil ou que se passam durante esse tempo tenebroso de nossa História.

As sinopses eu retirei do site Adoro Cinema.

O ano em que meus pais saíram de férias (2006)

Sinopse: 1970. Mauro (Michel Joelsas) é um garoto mineiro de 12 anos, que adora futebol e jogo de botão. Um dia, sua vida muda completamente, já que seus pais saem de férias de forma inesperada e sem motivo aparente para ele. Na verdade, os pais de Mauro foram obrigados a fugir da perseguição política, tendo que deixá-lo com o avô paterno (Paulo Autran). Porém o avô enfrenta problemas, o que faz com que Mauro tena quhe ficar com Shlomo (Germano Haiut), um velho judeu solitário que é vizinho do avô de Mauro.

Trailer:

Zuzu Angel (2005)

Sinopse: Brasil, anos 60. A ditadura militar faz o país mergulhar em um dos momentos mais negros de sua história. Alheia a tudo isto, Zuzu Angel (Patrícia Pillar), uma estilista de modas, fica cada vez mais famosa no Brasil e no exterior. Paralelamente seu filho, Stuart (Daniel de Oliveira), ingressa na luta armada, que combatia as arbitrariedades dos militares. Resumindo: as diferenças ideológicas entre mãe e filho eram profundas. Numa noite Zuzu recebe uma ligação, dizendo Stuart tinha sido preso pelos militares. As forças armadas negam. Pouco tempo depois ela recebe uma carta dizendo que Stuart foi torturado até a morte na aeronáutica. Então ela inicia uma batalha aparentemente simples: localizar o corpo do filho e enterrá-lo. Mas Zuzu vai se tornando uma figura cada vez mais incômoda para a ditadura.

Trailer:

Hoje (2011)

Sinopse: Vera (Denise Fraga) é uma ex-militante política que recebe uma indenização do governo, em decorrência do desaparecimento do marido, vítima da repressão provocada pela ditadura militar. Com o dinheiro ela consegue comprar um apartamento próprio, além de enfim poder ser reconhecida como viúva. Só que, quando está prestes a se mudar, recebe uma visita que altera sua vida.

Trailer:

Repare bem (2012) – Documentário

Sinopse: Durante a ditadura militar no Brasil, Denise Crispim, filha de pais militantes, envolve-se com o guerrilheiro Eduardo Leite, conhecido como Bacuri. A relação dá origem a uma gravidez, no mesmo período em que o regime começa a perseguir a família de Denise. Em pouco tempo, seu irmão é assassinado e sua mãe é presa. Quando à Bacuri, ele é torturado durante mais de três meses, e depois assassinado. Com o nascimento da pequena Eduarda, Denise consegue asilo político no Chile, embora o golpe de Pinochet force mãe e filha a se mudarem para a Itália. Mais de quarenta anos após os fatos, as duas recebem anistia do governo brasileiro, e decidem contar a sua história.

Trailer: