Noite em claro – Martha Medeiros

Olá pra vocês, tudo bem?

Esta semana fiz uma releitura. Às vezes gosto disso. Fui procurar aqui nos arquivos do blog, e li pela primeira vez este livro em janeiro de 2013. Já se passaram mais de quatro anos… E eu só me lembrava que havia gostado. Mas não me lembrava quão forte era a história.

Noite em claro (L&PM Pocket, 2012, 64 p.) da autora Martha Medeiros é um dos 20 livrinhos da Coleção 64 Páginas, dessa editora tão amada. Essa coleção por sinal, é ótima! Tem vários clássicos no meio, como “O retrato”, de Nicolai Gogol, e “Missa do galo e outros contos”, de Machado de Assis.

Numa noite chuvosa, e de insônia, uma mulher escreve uma breve história. E promete parar somente quando a chuva terminar de cair. Sua noite é regada a champanhe e lembranças um tanto obscuras, de relacionamentos passados. Encontramos nesses relacionamentos um tanto de dor, frustração, prazer, e algo tão humano que chega a ser animalesco.

“Nem um pio” (p. 31)

Minha opinião: Mesmo sendo uma releitura, escrevo aqui como se eu não tivesse lido anteriormente. Na realidade, mal me lembrava da história. Martha tem um estilo totalmente diferente de seus outros livros (que já li rs). Ela não é nada leve, muito pelo contrário! Ela é extremamente direta, e um dos temas abordados é pesado: o estupro. Além de ser direta, usa palavras que posso considerar “chulas”, grosseiras. O começo do livro é um pouco repetitivo, mas propositalmente: sua narradora bebe e fica relembrando de momentos vividos há 21 anos, com seu primeiro namorado. E “coincidentemente”, é dia 12 de junho, dia dos namorados. O número 21 ao contrário. A narradora repete, repete esse fato até nos cansarmos. E depois a história começa a ser levada por um caminho mais sombrio. Ele me marcou novamente, e provavelmente não será a última vez a ser lido.

Título: Noite em claro

Autor: Martha Medeiros

Editora: L&PM Pocket

Páginas: 64 p.

Anúncios

2 comentários sobre “Noite em claro – Martha Medeiros

  1. Mulher, tem muito tempo que li esse livro também. Lembro que gostei mas não lembro muito da história.
    Amo a Martha. Qualquer dia desses, vou reler.
    Bjão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s