Resenha Filme (16/52) – A família do futuro

Olá pessoal,

Vou tentar voltar à programação normal, ok? haha Segunda feira será resenha de filmes, e o resto a gente vê (nossa, que programação normal hein, Dani?!). Vocês devem ter percebido que neste mês de abril as coisas foram meio estranhas aqui no blog não é?! Estive numa ressaca literária, que imaginei que fosse passar rápido. Mas não passou. Depois que li Sangue Azul, as outras leituras ficaram meio paradas. E aí percebi que eu estava mesmo numa ressaca. Odeio quando isso acontece rs Apesar de ter tido leituras muito boas neste mês de abril, elas tiveram que ser de livros menores (menos páginas), livros um pouco mais rapidinhos. E tem também a situação com o blog. Acho que o mês de abril fiz somente umas três resenhas aqui 😦  Juro que não foi por querer, gente! rs

Mas sabe quando dá aquele desânimo, quando a gente não tem inspiração nenhuma… Pois é, eu estava assim. E não é nem por nada não rs

Cheeega de blá-blá-blá! E vamos falar do filme de hoje que é A família do Futuro (2007).

a familia

Lewis é um garoto muito inteligente, que quando era recém nascido foi abandonado pela mãe em um orfanato. Criado muito amorosamente e sendo incentivado nos seus feitos geniais, não consegue uma família que queira adotá-lo. Sente-se rejeitado, e chega até a desistir do sonho de ter alguém que cuide dele. Uma de suas mais novas invenções é o scanner de memória, uma máquina que de alguma forma lhe ajudará a lembrar de sua mãe. Quem sabe assim, ele conseguirá voltar para sua família biológica. Porém, na feira de ciências que vai apresentar seu invento, um garoto chamado Wilbur Robinson aparece em sua frente e diz ser um policial do futuro. Pede para que tome cuidado com um tal de Bandido do Chapéu Coco. Wilbur acaba levando Lewis para o futuro, e lá ele se encontrará com a família Robinson, que o ajudará a recuperar seu scanner de memória, e sua confiança em si mesmo.

familia

Minha opinião: Sabe aquele filme fofo que dá vontade de sair apertando a bochecha de todos os personagens? É assim! Lewis é um garoto super carinhoso, educado (fora ser geniozinho, é educado moralmente também) e simpático: aquele personagem que te conquista logo de cara. Wilbur é bem maluco de levar Lewis para o futuro. E mais maluca ainda é sua família hahaha Gente, que família legal!! Super unida, alegre. É um filme bem interessante para ser mostrado em sala de aula. Dá vontade de morar dentro desse desenho.

Título: A família do futuro

Direção: Stephen J. Anderson

Gênero: Animação

Duração: 95 min.

Anúncios

Um comentário sobre “Resenha Filme (16/52) – A família do futuro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s