Resenha – Canibais

Oi pessoal!

Acho que na semana passada não tivemos nenhuma resenha escrita de livro né?! Eitcha, que coisa mais feia! Um blog de literatura não ter resenhas… Falá a verdade… Blogueira mais desleixada haha

Então pra compensar, esta semana teremos resenha de pelo menos três livros! =D

canibais2

O livro de hoje é Canibais (L&PM, 2009, 272 p.), do David Coimbra, um autor brasileiro e muito querido pelo nosso Moacyr Scliar. O autor conta de forma romanceada um caso conhecidíssimo na Porto Alegre do século 19. O açougueiro José Ramos e sua esposa Catarina Palse faziam uma linguiça que encantava a todos na pacata cidade (à época rs). Todos que frequentavam aquele estabelecimento da Rua do Arvoredo, viravam fregueses. Diziam que era a melhor linguiça da região: bem temperada, com um gosto viciante. Mas mal sabiam eles…

O autor. Ele é meio parecido com o Danilo Gentili (magro) ou é impressão minha? haha

O autor. Ele é meio parecido com o Danilo Gentili (magro) ou é impressão minha? haha

Minha opinião: Há um narrador no meio de tudo isso. E foi essa jogada que achei sensacional. Ele sabe de tudo, ele nos dá todas as informações, e nós ficamos iguais bobos: “mas Walter (o personagem principal, já que não falei ali em cima)!, não faz um trem desse, homem! Deixa de ser trouxa!” hahaha Bem, em todas as sinopses que li, já contava de cara o porquê do título. Você pode imaginar… Mas não: aqui eu não irei contar descaradamente. Quero deixar você sentir o mesmo impacto que eu senti. Na própria capa do livro, é contado o porquê do título haha Mas ainda assim, deixei passar e dei de louca. A história, pode ter certeza, é muito mais do que aquilo. Cada personagem nos cativa de um jeito diferente. Sentimos amor, ódio, rancor, desespero, nojo (nojo!!) e desprezo por eles. Há momentos em que não sabemos mais de que lado estamos. Catarina é a inocente da história? Walter é um bobalhão? Emiliana é mesmo tão covarde? E o Ramos, que tipo de ser humano ele é? Talvez o personagem mais carismático que achei em toda a história, foi Brasiliano (como o próprio nome já diz, típico brasileiro rs Tem todo um jeito simpático e acolhedor de ser). Ah sim! A escrita do David é encantadora. Ele usa muitos termos sulinos e gírias locais, que no começo tive um pouco de estranhamento. Mas depois que acostumamos, parece que estamos vendo a cena em nossa frente. Tem uns capítulos que são mais tensos, mas David consegue quebrar essa tensão de modo sensacional! Gente, e as cenas mais calientes?! Que que é aquilo! hahahahaha

Quanto ao fato: podemos dizer que é quase uma lenda urbana esta história toda. Inclusive o programa Linha Direta uma vez fez um capítulo especial para isso. Dizem algumas fontes, que a história completa não pode ser totalmente comprovada, pois como é uma história (ou estória?!) passada no século 19, muitos documentos estão mal preservados, não deixando os estudiosos analisarem todo o ocorrido.

No final do livro, o autor ainda reúne várias obras que foram pesquisadas por ele para construir este romance. Um deles é O maior crime da terra, do Décio Freitas, lançado pela editora Sulina.

Tem até jogo baseado no livro! Veja aqui.

Título: Canibais

Autor: David Coimbra

Editora: L&PM

Páginas: 272 p.

Anúncios

2 comentários sobre “Resenha – Canibais

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s