Resenha tripla – Boyne e Braz

Olá!

Sim, estou fazendo um post para três livros hoje rs  São três livros bem curtinhos, dois infantis e um adulto (ou juvenil?!). Vamos às resenhas e impressões 🙂

numa vesp

Numa véspera de Natal (Moderna, 1994, 53 p.) de Júlio Emílio Braz conta a história de Gustavo – Guga, como detestava ser chamado – um adulto um pouco atrapalhado no seu trato com as crianças, e que se vê envolto por muitas delas. Resolve contar uma história, envolvendo supostamente Freddy Krueger, a pedidos de um garoto travesso. A história se passa quando ele tinha onze anos e era véspera de Natal. Sua irmãzinha, Bia, estava muito preocupada com Menina, a gata malhada, de olhos claros, que tinha uma imensa mancha nas costas, em forma de M. Gustavo, seus amigos e o vô Gilberto devem fazer de tudo para que Bia se anime um pouco, pois é véspera de Natal. Mas Bia não consegue ficar feliz, afinal a Menina é muito especial em sua vida. Então chega o Natal e…

memorias de uma

Memórias de uma bola de Natal (Paulinas, 2000, 24 p.), do mesmo autor, mostra, a partir do ponto de vista de uma bola de árvore de Natal como é esta festa tão bonita. Fazendo parte primeiramente de um casal recém-casado, vê a vida nascendo e renascendo a cada Natal diante de seus olhos.

dia de folga

Dia de folga: Um conto de Natal (Companhia das letras, 2013, 14 p.) é um livro juvenil do John Boyne. No Natal passado ele liberou o conto na Amazon, para o pessoal baixar gratuitamente. Conta a história de um jovem soldado da Primeira Guerra Mundial, que resolveu dar-se um dia de folga em meio a vários ataques. Fica relembrando de seus natais em família, de toda a organização da festa, de toda a decoração e das comidas de sua mãe. Em meio de todas aquelas explosões, algo passa por sua cabeça…

DSCN0736 DSCN0737

Minhas impressões: Os dois primeiros livros tratam do Natal de forma muito pura e inocente: como deve ser para as crianças. O encanto do Natal, mesmo com algumas tristezas, não deixa de ser uma festa que celebra o nascimento da esperança – ou de Cristo para os cristãos. Os desenhos são lindos demais. Ótimas histórias para serem lidas para as crianças.

O terceiro livro, do Boyne, sinceramente não achei lá grande coisa. Muitas das palavras eram desnecessárias, mesmo entendendo o ambiente em que eles estavam. O forte apelo sexual também era forte, e isso não era o foco da história. Havia muitos personagens sobrando. E sendo um conto, não precisava haver dez páginas: poderia ter somente cinco, que a história ficaria com certeza, muito melhor. O que vi de bom o conto foi somente a forma direta com que é escrito. Não indico para quem gosta do autor, pois pode ficar um pouco decepcionado rs

Título: Numa véspera de Natal

Autor: Júlio Emílio Braz

Editora: Moderna

Páginas: 53 p.

 

Título: Memórias de uma bola de Natal

Autor: Júlio Emílio Braz

Editora: Paulinas

Páginas: 24 p.

 

Título: Dia de folga

Autor: John Boyne

Editora: Companhia das Letras

Páginas: 14 p.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s